Tudo o que você precisa saber sobre o piso vinílico

Compartilhe:

Imagem retirada de http://www.antenacritica.com.br/noticia/piso-vinilico-vale-a-pena

Os pisos de madeira transmitem sensação de aconchego e sofisticação, mas muita gente evita esse tipo de revestimento devido a fragilidade do produto ( que não podem ter contato com água) e a atenção e cuidado que se deve ter ao instalá-lo no imóvel. Para quem quer ter um pouco menos de preocupação, mas não quer deixar de lado a sofisticação da madeira, a opção é investir no piso vinílico. Esse tipo de revestimento é mais resistente que a madeira quando se fala em contato com a água e imita muito bem o tipo de material.

A aplicação é fácil e em alguns casos o próprio piso já vem com o adesivo auto-colante que possibilita até mesmo o cliente instar em sua residência (lógico com muito cuidado e paciência).

Sofisticação
Como já foi dito, o tom amadeirado deixa os cômodos do imóvel com uma estética incrível.

Um pouso salgado
Dentre os pisos com revestimento amadeirado o piso vinílico é um dos que pesam mais no bolso, ou seja, o piso vinílico é caro. É que além da praticidade de instalação, como já foi dito no início do post, ele é mais desistente a umidade. Para quem mora em apartamento, por exemplo, o piso não faz aquele barulho de madeira, que incomoda os vizinhos do andar inferior. O valor do metro quadrado hoje varia de R$ 40 e R$ 150 o m².

Como limpar piso vinílico
Para manter o brilho do chão com piso vinílico é importante saber como tratá-lo. Para começar, varra com frequência, evitando o acúmulo de poeira que pode causar pequenos riscos e manchas, ou esfregue com pano úmido e detergente neutro. Depois de varrer, uma outra dica de como limpar piso vinílico é passar um pano seco para reforçar o brilho do revestimento. Esqueça os saponáceos, solventes, produtos químicos e palhas de aço, estes materiais podem degradar o piso da sua casa.

Não há grandes mistérios em como limpar piso vinílico, o importante é mantê-lo sempre cuidado, portanto nunca use baldes de água para lavar, pois, apesar de impermeável, o excesso de água pode enfraquecer a cola do material. Além disso, lembre-se: sempre que quando algo entornar no piso vinílico, seque imediatamente para evitar danos maiores. Além dos cuidados de como limpar piso vinílico, você pode tomar algumas atitudes que podem manter o aspecto de novo por mais tempo, como, por exemplo, evitar andar de sapato em casa, colocar um tapete na porta para retirar a sujeira pesada da rua e encerar o piso vinílico com produto adequado.

Qual melhor piso vinílico ou laminado?
O piso vinílico é feito com cloreto de vinila, ou PVC. O material vem em placas, réguas ou mantas. Já o laminado é composto por camadas de materiais derivados da madeira, como aglomerado e painel de madeira de alta densidade (HDF). A camada superior recebe uma estampa decorativa, impregnada com resina.

Entre as vantagens do piso vinílico, podemos citar que ele reduz o ruído dos passos e deixa o ambiente com a temperatura agradável, pois ajuda na conservação do clima. A resina de poliuretano que o protege evita manchas e não retém partículas, pois é antialérgico. O piso vinílico tem muitas opções de estampas, das cores mais vibrantes às mais discretas. Entre as estampas, existem algumas que imitam o visual da madeira com bastante fidelidade.

Já o piso laminado é bem mais fácil de instalar, tanto que no dia seguinte a sua rotina em casa já pode ser restabelecida. Caso você esteja de mudança, ele é reaproveitável (dependendo do tamanho do ambiente) e pode ser desmontado e levado junto com a sua mudança. O piso laminado também é antirruído, pois recebe uma manta de proteção que ajuda a abafar o som do contato dos pés com a sua superfície. A durabilidade do piso laminado é outra vantagem que podemos destacar, pois é de aproximadamente quinze anos.

Fonte: Antena Crítica